Até um dia Amigo, pedala em paz!

É com enorme tristeza e pesar que escrevo estas palavras. As lágrimas começam-me a escorrer dos olhos pela face abaixo ao lembrar-me que também me pode acontecer a mim. A tristeza da familia, o vazio deixado aos filhos, e como explicar a duas crianças que o pai saiu de manhã para ir andar de bicileta e não mais vai voltar. Também tenho dois filhos pequenos, que me perguntam sempre quando venho da volta "foste andar de bicicleta papá?" e não consigo deixar de sentir um enorme aperto no coração ao ver esta notícia. Podia der eu. A cada morte no desporto, levanta-se a questão da necessidade de fazer exames, até que ponto não arriscamos a vida ao praticar um desporto sem os necessários exames médicos.

À família, em especial aos filhos, tenham força neste momento terrivel.

Descansa em paz, camarada.

Ricardo Silva
 
Aos anos que pratico BTT e outros desportos e para mim sempre foi um mistério estas mortes "estúpidas" que ceifam a vida dos que vão (e dos que ficam). Neste momento de pesar e profundo luto, desejo... isto é se se pode desejar alguma coisa...

Que descanse em paz e que a sua família e amigos tenham muita força neste teste que a vida vos reservou.

As minhas condolências à familia e amigos.

O desporto está de luto!
 
Sem palavras para descrever o sentimento de revolta e injustiça quando soube da noticia... tive um episodio parecido, aqui muitos de vocês tiveram conhecimento do meu sucedido, simplesmente deixamos de existir em segundos sem percebermos o que realmente acontece como e porquê, somos assombrados pela visão aterradora sempre que entramos nos trilhos, superando cada Km que deixamos para trás, mas nunca deixamos para trás o medo do acontecimento a que fomos submetidos o mistério (do porquê?)... Os meus sinceros sentimentos a todos os seus familiares e amigos. Carlos Rodrigues
 
Sem palavras para descrever o sentimento de revolta e injustiça quando soube da noticia... tive um episodio parecido, aqui muitos de vocês tiveram conhecimento do meu sucedido, simplesmente deixamos de existir em segundos sem percebermos o que realmente acontece como e porquê, somos assombrados pela visão aterradora sempre que entramos nos trilhos, superando cada Km que deixamos para trás, mas nunca deixamos para trás o medo do acontecimento a que fomos submetidos o mistério (do porquê?)...

Os meus sinceros sentimentos a todos os seus familiares e amigos.

Carlos Rodrigues
 
Pedido de Sandra Moreira esposa do falecido companheiro que nos deixou no dia 25 de Novembro:

"Boa noite,


No dia da prova de BTT em que o Ricardo nos deixou, levava consigo o telemóvel que até ao momento não apareceu.

Não pretendo obter o telemóvel, apenas agradeço que de alguma forma, quem o encontrou, me faça chegar as fotos que lá estavam (pode ser atraves de uma pen deixada na minha caixa do correio ou por outro meio sem necessidade de se identificar)...

No dia anterior à prova, ele tirou fotos da nossa filha mais nova vestida com a roupa do batizado que se iria realizar agora em Dezembro. Estas fotos tem um valor sentimental muito grande.

Por favor, passem a palavra!!!"

https://www.facebook.com/sandra.moreira.359126/posts/444267808967725