6ª Maratona Vale do Sado - Alcacer do Sal

#21
270 desistentes numa Maratona com 1000m de acumulado? Não acho nada normal...

A grande maioria não desistiu de certeza por problemas físicos...

Um cenário como nunca vi. Achei um pouco lamentável, tendo conhecimento do estado do terreno, enfiarem 600 participantes numa área replecta de abrolhos. Para quem não sabe o que é, digo-vos que até pneus de automóveis furam...

Quase de km a km, podia encontrar-se participantes com furos e por vezes bons grupos todos furados a ajudarem-se uns aos outros.

Eram carrinhas cheias de participantes, muitos já só conseguiam rolar em alcatrão de regresso a Alcácer (como foi o meu caso), muita câmara-de-ar em caixotes de lixo (só minhas foram duas), um cenário como nunca vi…

Sei que furos e outros problemas técnicos fazem parte deste tipo de provas ( e eu que o diga lol ) mas tanto furo? Foi demais! Uma tortura e um estragar de material impressionante.

Para este evento levei pneus novos e ainda com câmaras-de-ar com líquido anti-furo. Câmaras com mais de 200gr e pneus até bem resistentes (Kenda Karma) e mesmo assim, fui obrigado a desistir. Cheguei a retirar 4 espinhos dos pneus e alguns lá tiveram de ficar para conseguir regressar a Alcácer pois já não haviam mais câmaras nem remendos…

Enfim... foi uma experiência diferente. Acordar de madrugada para ir até Alcácer rebentar umas camaras-de-ar e voltar para casa... muito bom mesmo.

Podiam era ter avisado que iria tratar-se de um teste a pneus, camaras de ar, líquidos anti furo, etc que assim, não teria sido preciso levantar-me tão cedo, gastar combustível e portagens e arranjava uma tábua com pregos e fazia o teste por aqui...

Achei foi interessante os comentários de alguns participantes quando eu estava a substituir a 2ª camara-de-ar: "Ah e tal este pessoal vem para aqui com pneus light... temos pena"...

Deviam era agradecer a todos os que iam na frente (quase todos furaram) pela "amabilidade" em terem limpo o percurso de abrolhos...

Enfim...

Alguns aspectos do evento correram bem, outros nem por isso e este foi sem dúvida um deles.

Para breve conto fazer um rescaldo mais completo no meu site onde irei abordar todos estes e outros pormenores do evento.

Cumprimentos

Hugo
Um dia perdido... acordei motivadissimo para a prova... vim chateado e só com um domingo de fim de semana para gozar...
 
#22
270 desistentes numa Maratona com 1000m de acumulado? Não acho nada normal...
olá hugo,
Lamento os problemas que tiveste.
os nº não estão correctos, vou tentar saber e informo aqui.
Espero que tenha corrido tudo bem com a tua esposa.

até já

Os nº são estes:

Maratona:
87 Inscritos
63 Finalizaram
19 Desistências
5 Não levantaram dorsal

Meia- Maratona:
316 Inscritos
268 Finalizaram
36 Desistências
12 não levantaram dorsal


No total foram 55 desistências, nem todos por furos, infelizmente houve algumas quedas.
 
Last edited:
#24
Por acaso fico surpreendido pelo n.º de desistências. Vi tanta gente apeada que pensei que fossem muitos mais. Mas atenção: Houve com certeza muitas dezenas mais a quem a prova foi muito condicionada pelos furos. Foi o meu caso. Como já referi, tive três furos e contava fazer um tempo por volta das 2h e 45m. Acabei por fazer 4h e 15m com uma azia desgraçada. Mas enfim, ao menos cheguei ao fim.
Os furos fazem parte e são um risco associado à prova. Todavia, a organização poderia pelos menos alertar para o facto de se passar por locais complicados para que o pessoal fosse mais precavido. Eu só levei uma câmara de ar e tive de sobreviver à custa de terceiros.
Mas tudo isso já passou, para o ano concerteza será melhor.
 
#25
Bom dia,
isto dos furos é btt amigos, se fosse areia era porque era areia agora aparecem uns a fazer queixas de furos outros de muita pedra mas, alguém diz que as provas têm que ser todas iguais ao que estes aspectos do terreno dizem respeito!

Depois eu imagino pelo conhecimento que tenho de alguns destes participantes que eles sejam capazes de fazer um Cape Epic ou talvez um Transalp mas, depois aparecem aqui a fazer queixas de abrolhos !!!

Tenham juizo, um dia corre bem outro menos bem.

Cumprimentos
VR
 
#27
Boas
Gostaria de dizer que foi a primeira maratona em que participei, mas realmente foi assustador ver o pessoal parado com furos, pois eu fui sozinho e nem um remendo levei!
Quanto ao percurso acho que foi duro e com alguma dificuldade para um Alentejano (nos gostamos é de planicie), caí três vezes parado a subir e uma já no final num bocado com 50m de areia.
Parabens á organização pela prova e o apoio dado aos participantes.
Um abraço
 
#28
Boas,

olá hugo,
Lamento os problemas que tiveste.
os nº não estão correctos, vou tentar saber e informo aqui.
Espero que tenha corrido tudo bem com a tua esposa.

até já

Os nº são estes:

Maratona:
87 Inscritos
63 Finalizaram
19 Desistências
5 Não levantaram dorsal

Meia- Maratona:
316 Inscritos
268 Finalizaram
36 Desistências
12 não levantaram dorsal


No total foram 55 desistências, nem todos por furos, infelizmente houve algumas quedas.
Com a Sónia correu tudo bem! Foi das poucas que não furou. Ficou até surpreendidíssima com a classificação. 110º da Geral...

Nunca fez uma prova tão boa na vida dela ou melhor, provavelmente nunca teve tanta sorte... e também deu o seu melhor, é verdade.

Quanto aos nºs, eram os que estavam afixados na Escola e ainda se encontram no site.

Cliquei em confirmados e se entrares na página 27 da meia-maratona estão lá 515. Pelo menos, o nº de dorsal de um colega de Equipa era o 513 para a meia-maratona e de outro colega de Equipa para a maratona era o 88.

Mesmo que os nºs de desistências não sejam esses, há a constatar que a grande maioria dos participantes que chegou ao fim, furou! O que não é nada normal!

Pode-se até dizer que as próprias classificações foram fruto da sorte ou do azar em furar ou não furar de cada participante isto sem qualquer "desprestígio" para o desempenho de cada um. Foi a realidade. Simplesmente teve melhor prestação quem não furou ou quem teve menos furos...

Este meu comentário só teve origem numa conversa que tive com alguns elementos da Organização no final da prova em que me disseram que tinham conhecimento do estado daquela zona do percurso e que até avisaram para não mandarem os participantes para lá.

Quantas e quantas Maratonas já fiz em Alcácer sem o cenário que vi no passado Domingo? Nem de perto!

Quanto ao comentário do amigo brieira (só porque teve sorte e a prova correu-lhe bem, só pode), quando quiser fazer o Cape Epic comigo, está à vontade! Até levo uma mochila carregada de camaras de ar para os dois...

Enfim...

Cumprimentos

Hugo Carvalho
 
#29
Olá quanto aos furos tive essa sorte de passar ao lado dos mesmos :) (com pneus de 15 euros cada) foi a primeira vez q participei nas Cegonhas gostei e tenho só uma coisa a dizer se me podem explicar o q é BTT?? lololol só falam dos furos e mais furos das pedras...tb passei um mau bocado mas ja passou.um forte abraço ao Sr Jorge Pereira pela a sua atenção dorsal 515.Passei só um bocado de frio :D
 
Last edited:
#31
Pois o 1º Furo foi meu... logo aos 500 mts a camara de ar salta para fora emaranha-se na cassete, na corrente e no esticador e fiquei 10 minutos ali parado a tenar resolver a coisa.
Coisa feia ver as pessoas a ofenderem-se ao inicio. Eu fui um dos que fiquei cá em baixo... quando ia a subir vinha já o grupo a descer por isso optei por ficar. É verdade que muita gente ''optou'' por ir mais cedo para começar mais a frente e não está correcto... mas tb não é correcto quem chega com mais ou menos treinos ofender tudo e todos em voz alta para que todos conheçam a sua indignação. Uma maratona de 60 km não se ganha na partida. Um colega meu que estava mesmo ao meu lado na partida, mais ou menos 20 mts atras do arco de meta da BIKE Lab ( optamos por esta posição para que quem partiu lá de cima pudesse reclamar o seu lugar mais a frente) acabou 2 minutos atras do 2º lugar ( em 13º)e quem passou por ali atirando injurias acabou por ser ultrapassado.
Quanto ao percurso foi interessante, francamente devo ter sido um dos que beneficiou com todos os que ao furarem limparam os caminhos de picos (beneficio de abalar em ultimo) mas fui tambem testemunha do rasto de embalagens e camaras de ar que os participantes teimam em ''semear'' auxiliando a organização na marcação do percurso.
As assistências tinham o que era necessário e estavam espaçadas de forma correcta ( para o meu andamento).
Levei uma epic e as estradas ladrilhadas de pedras soltas que encontramos a meio só me veio convencer que escolhi bem.
Quero agradecer ao pessoal da organização a oportunidade de estar-mos presentes e de poder contribuir para as condições apresentadas a todos.

Abraço
 
#32
Ora então aqui vai ESPETACULO parabens cegonhas há que continuar,a quem furou são azares que acontecem eu fui dos que não furei mas um companheiro que andou sempre comigo que por acaso até é das cegonhas furou "3" x mas xegamos ao fim com sufrimento mas a horas do almoço, obrigado e atá aproxima. "Uma brincadeira" cegonhas perguntem ao ZÈ LOPES quantas x caiu.
 
#33
Então aqui vai disto : ora uma cruz (X) nesta organização : metem escuteiros a darem garrafas de litro e meio a quem vai a competir , eu andei perdido no Madagáscar (Alcacer) porque as tabuletas era para que detém (Secretariado) uma visão de águia , arranque em 3(três) niveis : os atrás da GNR , os dos 100 metros à frente e os pardalecos que estavam já na linha de Meta , o ataque das vacas assassinas (debandada destas) que nos iam atropelando , na chegada , ONDE ESTAVAM AS HABITUAIS BEBIDAS ISOTÓNICAS E A FRUTAZINHA DA EPOCA E CARINHOS ????? , depois mais grave vejo um capacete abandonado ao pé da lavagem das bicicletas e dirigi-me junto da organização e o seu poderoso microfone e transmito : "não se importam de anunciar que está um capacete abandonado junto as lavagens ?? para que não seja levado por alguem maldosozinho?? " - ao que eles me responderam com um eterno silêncio e um potente ignorar de um gesto de boa acção.

Até depois
 
#35
Boas Noites, todos se queixam de furos mas não se esqueçam que BTT também é isso, por acaso também furei, somente duas vezes, da primeira substitui a câmara de ar da segunda e acho que isto é uma coisa de que ainda não se falou foi o companheirismo pois poderia ficar apeado mas alguém de disponibilizou com remendos e assim pude continuar e terminar. Sendo esta a minha primeira vez na maratona do vale do sado não posso tecer comentários em relação ao percurso apenas dizer que tinha paisagens lindíssimas pena não dar para apreciar como deve de ser a beleza que temos em Portugal, se tudo correr bem para o ano lá estarei
 
#36
Caros, foi a minha 1ª vez em Alcacer, mas retirando a pequena confusão na partida (é uma pequena oportunidade a rever pela organização), tudo correu muito bem, então aquelas paisagens são realmente fantásticas.

Relativamente aos furos, estes estão sempre presentes, umas vezes mais outras nem por isso, mas aparecem sempre.

Sem duvida uma maratona a fazer mais vezes.

FOTOS, alem daquelas que estão no BTT TV, alguem sabe aonde encontrar mais?????????

GRACIAS
 
Last edited:
#37
Boas,

A minha segunda experiência no Alentejo e a minha melhor experiência em Maratonas, excelente organização: percurso muito bem marcado, abastecimentos Q.B, assistências em várias zonas... mas insuficientes para responder a tantos e tantos furos...zonas e trilhos brutais, nomeadamente da Barragem para frente, belas descidas com muita adrenalina :) - muito bom...

Na minha opinião para melhorar:
Não anunciem 50 km e "obriguem" o pessoal a fazer 63 km!!!!
As picadas a pé, mais do que duas já são demais... :) não é um duatlo (bicicleta e Pé) :)
Para a próxima podem pensar numa distribuição de camaras de ar nos abastecimentos, ou uma moto 4 a distribui-las...

Caros e Caras Cegonhas do Sado, muitos Parabéns pela organização desta prova.

Boas Pedaladas!
 
#38
Parabens

Parabens à organização pela excelente jornada de BTT que montou e que constituiu esta Maratona/Meia.
Percurso diversificado e muito bem marcado.
Pena a Kilometragem da Meia que anunciada como 50 e poucos Kms, foi parar aos 62 + ou - (São Kms a mais para além dos anunciados).
Quanto aos furos, azar para quem os sofreu , mas BTT e isto MESMO, hoje toca a uns, amanhã a outros, há que ter paciência e encarar isso com normalidade, pelo que tar a falar em abrolhos, picos, etc , etc, nesta vertente, parece-me, com o devido respeito, ridiculo.
Foi a primeira vez que estive em Alcácer p/ uma Maratona e para o ano espero poder voltar, não obstante os dois companheiros que também foram comigo e que participaram, terem desistido e um deles até ter sido hospitalizado com uma fractura. Mas, tudo bem. Prá frente e o caminho.
Cumprimentos a todos e em especial a organização , com quem tive de contactar em particular por causa do sucedido ao meu amigo e que se mostraram todos muito colaborantes.
Até para o ano, onde espero estar novamente na v/ Maratona, com os tais meus amigos que desta vez não terminaram.
 
#39
Boas...



Prova muito boa.
No entanto acho "VERGONHOSO" que se anunciem 50kms, e no fim se façam 65 ( pelo menos no meu conta kilómetros ).
Acho inadmissível um erro de cerca de 30%!!!

Qual é a finalidade? Hoje em dia não acho admissível um erro destes de kilometragem.

Para muitos concorrentes,faz toda a diferença mais 15kms....
 
#40
Boas...


No entanto acho "VERGONHOSO" que se anunciem 50kms, e no fim se façam 65 ( pelo menos no meu conta kilómetros ).
Acho inadmissível um erro de cerca de 30%!!!

Qual é a finalidade? Hoje em dia não acho admissível um erro destes de kilometragem.

Para muitos concorrentes,faz toda a diferença mais 15kms....
Amigo cácá

Faz pesquisa na net por "4U2D". Foi um dos fotografos que estava a retirar as fotos e a vender no almoço. Eu fiquei com duas e posso-te dizer que tem excelente qualidade.
Havia outros, mas julgo que eram simples amantes de fotografia.

Um abraço