Canyon Nerve AM 6.0 - O Canhão

#1
Finalmente pude ter uma bicicleta escolhida por mim, totalmente ao meu gosto, com material muito melhor do que alguma vez tinha tido, ou seja... tenho uma bicicleta de homem


As características são as seguintes:

Suspensão: Fox Talas FIT RL, Eixo 15mm. 150-120mm

Amortecedor: Fox Float RP2 Boost Valve XXV

Caixa de direcção: Acros AiX-03

Conjunto completo de trasmissão: SRAM X-9 10v

Travões: Avid Elixir 3 203/185mm

Rodas: DT Swiss AM 1950

Cassete: SRAM PG-1070 12-36 10-speed

Pneus: Schwalbe Fat Albert 2,4" / Nobby Nic 2,4"

Eixo pedaleiro: Truvativ GXP BB

Avanço: Easton EA50 (31,8 )

Guiador: Easton EA50 Riser

Selim: Selle Italia Shiver

Espigão: Easton EA70

Peso: 13,2kg sem pedais, cerca de 13,5 com pedais.

Agora as fotos:


Geral


Traseira


Frente



Pormenor do eixo de 15mm. Já agora, para que serve esta peça com a escala de 1 a 18?



A trasmissão. Acho o pedaleiro lindo!



O amortecedor e o link.



O selim que não parecia grande coisa e afinal acho bastante bom.



O travão e o disco quase de motocross!



Pormenor do quadro



A vista que mais interessa, em cima dela!



A bike no geral parece-me bastante boa, muito polivalente, excelente para descer e boa trepadora graças à regulação do curso da suspensão que baixa a frente e esta trasmissão permite relações mais leves, visto que antes até tinha uma cassete com 32 dentes no carreto maior atrás, e esta tem 36.

A suspensão tem um trabalhar muito bom bem como o amortecedor. Comparando com a minha antiga rígida, parece mesmo um sofá!


A transmissão, como sempre ouvi falar, tem um trabalhar muito duro e barulhento mas sempre preciso


Nunca tinha tido travões de disco, mas estes são fenomenais. Penso que são considerados quase como que uma gama média/baixa, mas acho-os muito bons.

Os pneus são algo largos (2,4) mas acho que não se notam muito para rolar em terra. Em alcatrão sim, bastante. Para fazer descidas são altamente, agarram que se farta.

No geral acho que é isto, ao longo do tempo haverá mais para dizer. Para já penso arranjar um espigão telescópico, só há pouco tempo resolvi baixar o selim para experimentar, e realmente é uma diferençazita! Para além disso, queria trocar os punhos, acho estes um bocado desconfortáveis, fico com dores nas mãos ao fim de algum tempo.


Para já, está feito
 
#3
Excelente descrição...

Irá concerteza pesar na minha decisão, de adquirir uma Canyon (no emu caso estou orientado para a XC 8.0).

Cumprimentos,
 
#4
Tens ai uma boa bike, agora usa e abusa dela =p

Quanto ao aleijar nas mãos, tu usas luvas? Ainda que uses, os punhos também são baratos, dizem que os KCNC são bons e custam 5euros :O.

Cumprimentos
 
#5
Rui, eu aconselho. Sinceramente, já não ligo às coisas do "esta marca parte" e "a garantia desta marca não presta". Já ouvi casos de tudo, com todas as marcas, por isso, acho que vale bem a pena.

magabarai, sim, uso luvas, e eles agarram-se bem, mas ao fim de algum tempo dão-me cabo das mãos, e depois acho-os muito finos. Mas é a tal coisa, é como os selins, cada um gosta do seu, à sua maneira ;)
 
#6
Já passou algum tempo e tenho a dizer que a bike tem tudo o que eu queria: consigo fazer umas manhãs na ciclovia ao pé da praia, consigo dar umas voltas com o pessoal, consigo participar nuns passeios e numas maratonas (ou meias) e consigo fazer umas descidas mais a sério. É uma bike que sobe tudo sem problemas, ao meu andamento, sem ser demasiado pastelona.

Até agora ainda não lhe fiz alterações, mas vou fazer agora uma: o meu pneu de trás rasgou-se completamente e preciso de outro. De origem trazia um Nobby Nic 2.4 e à frente um Fat Albert 2.4 também. Estava a pensar meter um High Roller 2.1 atrás, acho que é a largura que mais se adequa ao que eu faço mais, mas estou indeciso entre o 2.35. Estava a pensar aproveitar para trocar também o da frente por um, um pouco mais fino.
 
#7
Boas!

Gostava de saber o que achas da geometria da bike. Andei a investigar esse modelo mas parece-me muito curta e uma bike de XC apenas com mais curso. O que achas?

Obrigado.
 
#9
sniper_pt, o que eu gosto nesta bike é que tanto dá para ser uma bike de AM, fazer descidas a abrir e tudo mais, como dá para ser uma bike de XC com um curso maior. Não será a bike mais leve do mundo, mas podes crer que é bem confortável. O que eu estou a pensar fazer é arranjar dois set's de rodas com pneus diferentes, mas como umas rodas não custam nenhuns 5€ para já vou só arranjar dois set's de pneus, uns mais grossos e mais aderentes, e outros mais finos e mais rolantes.

Bruno Silva, gostei dos Nobby Nic, mas da maneira como eles se rasgaram, gostava de os evitar... Estava a pensar num High Roller 2.35 para andamentos mais agressivos e continuar com o Fat Albert enquanto durar. Para o XC quero arranjar o da frente e o de trás, numas medidas entre 2.1 e 2.25. Trocar as rodas é muito mais prático mas trocar de pneus também não custa assim tanto.
 
#10
pois é, feitos mais alguns quilómetros, o que ela tem feito é maioritariamente mais virado para o XC. O peso não é uma preocupação muito muito grande, mas pesando a bike cerca de uns 13,7kg, o que posso mudar para lhe baixar até pelo menos à casa dos 12? Tem montados agora à frente um IRC Mythos 2.1 e um Maxxis Ardent 2.25 atrás. Já pensei em por à frente um disco de 185 como tenho atrás, em vez dos actuais 203. Não sei qual o peso destas rodas, mas andei a ver umas mavic crossride a um bom preço...
 
#11
Agora está assim:




Passei o disco de 185 que tinha atrás, para a frente, e meti atrás um disco de 160. Troquei o selim por este WTB que tinha aqui, porque acho muito mais confortável.

Por agora estava a pensar trocar estas rodas, que pesam 2,2kg o conjunto! Estava a pensar nas INI RC 1560. Alguém pode dar um feedback sobre elas? No site diz que não tem limite de peso para o utilizador, mas mesmo assim tenho medo que se revelem frágeis... Depois estava a pensar montar um Larsen TT atrás e converter a tubeless. As rodas realmente têm um peso atractivo, mas gostava de ter o feedback de alguém que as tenha experimentado. Para já não há mais grandes planos para alterações na bike ;)
 
#12
Boas zribeiro, olha cá no forum o user pmgf tens umas INI RC 1560, entra em contacto com ele, pois ele poderá dar-te um feedback real das mesmas. Em relação a montagem de um pneu Larsen TT acho que ainda é um bocado cedo, pois ainda virá muita chuva e a consequente lama, sitio onde o Larsen perde a sua principal caracteristica que é ser excelente em terrenos secos pois tem muito grip. Em lama irá fazer muita acumulação da mesma devida ás caracteristicas do relevo do pneu.

Cumprimentos
 
#14
Após alguma indecisão, apareceu um bom negócio para umas ZTR Alpine com cubos Hope que acabei por comprar. Ainda não tirei as camaras de ar porque tenho um pneu IRC à frente e diz que não é grande coisa para converter, mas para já, foram cerca de 600 ou 700 gramas ao ar!