xt vs xtr

#1
Estou com algumas duvidas sobre a gama shimano

Gostava de saber se compensa comprar o xtr ?

Quais as principais diferenças ?

E se vale a pena gastar o dinheiro de diferença.

Cumps
 
#2
Primeira diferença o peso, é uma questão de pegar nos pesos anunciados ( e supondo que a margem de erro é igual para as 2 gamas) e comparar. Neste aspecto tens que ver se o investimento adicional do que queres comprar face ao peso que poupas se compensa ou não.
Alem disso pensar no investimento a longo prazo pois por exemplo na pedaleira, os pratos o preço é do genero com o preço do meio de xtr compras o primeiro e segundo prato e sobra dinheiro, talvez por isso tenho pessoas conhecidas com pedaleiras xtr quando chegou a primeira mudança optaram por pratos xt em vez de xtr.

Segundo o preço, dentro de lojas fisicas compras 2 pedaleiras xt com o preço de uma xtr e ainda recebes trouco e nos restantes componentes a diferença é quase sempre no minimo o dobro.

Agora a parte técnica, quanto a corrente a diferença nem peso existe, situa-se no revestimento, uma corrente que após ser limpa fica a brilhar (xtr) e uma que fica fosca (xt).

Pedaleira sinceramente das que já andei não notei diferença a nivel de rigidez e mesmo suavidade das passagens de mudanças foi pouco notória.

Nos manipulos de mudança nota-se diferença na velocidade de transmissão e no movimento do manipulo parece-me ser mais curto e preciso.

Desviadores do que experimentei quer mistura manipulos xt, desviador xtr, ou manipulos xt desviador xt não notei diferença sinceramente.

travões... prefiro xt mais poder de travagem, mais regulações.

rodas... já andei com umas xt e umas xtr emprestadas durante um tempo e gostei mais da rigidez das xt, mas o rodar das xtr encantava um pouco mais alem de que a nivel de vedantes etc para as esferas encontram-se mais bem protegidas, as novas não faço ideia ainda não apareceu ninguem com umas... diga-se de passagem as esferas ainda não convenceram os fâs dos rolamentos.
 
#3
Na minha opinião a diferença de qualidade (a XT é boa) não compensa a diferença de preço. o resto prende-se com a diferença de peso, e aí cada um sabe da sua "panca" e até que ponto está disposto a ir....
 
#4
Eu acho q se tiveres os euros para o pedaleiro, shifters, desviadores, pedais e travões avança, pois é onde reconheço a supremacia a nível da qualidade e todos os q conheço com esses componentes - super satisfeitos. Nas rodas encontras pelo mercado tão bom ou melhor pelos mesmos valores.

Mas la está, este é o típico tópico que gera controvérsia de opinião.
Ah, todos os que conheço com componentes xtr (inclusivé eu em alguns componentes) passaram por componentes de gamas inferiores como sejam xt e lx.
 
#5
Boas,

Como já foi acima indicado, a diferença principal está no facto do XTR ser mais leve (penso que 200/300gr) e também bastante mais caro (+600Euros). Quanto à durabilidade, partindo do princípio que o XTR é construído com tolerâncias mais apertadas e materiais mais "exóticos", há partida é mais durável.

Pessoalmente, tendo em conta o uso que dou à bike (o chamado all-mountain) deixei de usar o XTR há uns anos atrás pois danifiquei algum material (algumas quedas, 1 galho na transmissão) e começou a ficar muito caro substituir XTR por XTR. Mudei para o XT M770 à 4 anos e não me queixo em termos de durabilidade (faço cerca de 2000km ano, quase todos fora de estrada, incluindo invernos com temperaturas negativas e lama qb). Claro que há sempre material que se desgasta e tem de ser trocado, eu por exemplo troco as correntes a cada 3-6 meses (dependendo do tipo de uso), a cassete e pratos dianteiros a cada 2/3 anos, cabos, bichas e calços de travões quando necessário. Se calhar se fosse material XTR durava mais 1 ou 2 anos, mas dificilmente o dobro do tempo (para justificar o dobro do preço).

Em termos de funcionalidades, o XTR de 2011 (M980) tens novidades/melhorias que não encontras no XT de 2011 (M770-10), tais como novos travões (mais potentes e de desenho mais ergonomico). No entanto, o XT de 2012 (M780) já "copia" as funcionalidades do XTR de 2011 e pelos preços que tenho visto online está a metade do preço do XTR (600€ contra 1250€).

Na minha opinião só te compensa gastar o dinheiro se já tiveres o resto do material da bike (rodas, quadro, forqueta, etc) de topo de gama. Se não é o caso, eu aconselhava-te a comprar o XT M780 de 2012 (já há venda em alguns websites) e com os 650Euros que te sobram podes comprar 1s rodas mais leves ou uma suspensão de topo ou outros componentes para melhorar a performance da tua bike para além da transmissão e travões.

Cumps.
Mig.