Tensão do cabo do desviador dianteiro...

#1
Boas pessoal. Tenho há pouco uma RR 520 e o prato pequeno nao entrava . Resolvi tentar afinar a coisa através dos parafusos limitadores (videos Youtube) e a coisa correu mto bem. Os 3 pratos a entrarem perfeitamente. As mudanças de trás estiveram sempre bem. Acontece que não contente com a coisa resolvi mexer no afinador de tensão do cabo no shifter. Pronto, a coisa descambou!!! Ou fica muito folgado ou mto tenso. Tenho a corrente no prato do meio e já não entra mais nenhum. Não faço ideia como afinar a tensão do cabo. Terei que voltar a mexer no desviador? Qual o ponto de partida para a afinação do cabo? Prato do meio? O regulador tem posições que dão um saltinho de cada vez... enfim, estou perdido... Alguma ajuda por favor?
Obrigado desde já.
 
#3
Se calhar foi porque foste um pouco confuso.

Os parafusos H e L são só para limitar o limite máximo e mínimo que a corrente pode ir sem roçar no desviador. Apenas necessitam de ser mexidos uma vez. De resto as afinações devem ser feitas com o regulador de tensão.

Qual é o comportamento que está a ter mais concretamente?
 

Joseelias

Well-Known Member
#4
Mexeste só nos esticadores do cabo, mexeste nos parafusos H/L do desviador ou mexeste no próprio cabo desapertando o parafuso que o prende ao desviador, aumentando ou diminuindo a folga? Ou várias das hipóteses?

É que se foi apenas com os esticadores tudo se resolve com eles, aumentando ou reduzindo a folga. Atenção que estes afinadores só deverão por norma ser movidos um ou dois cliques caso as mudanças estejam a passar mal.
 

klaser

Well-Known Member
#5
Se tens bem afinado os limites H e L , destroca tudo e tira a tensão do cabo até cair pro prato pequeno....Depois vais tentando meter no do meio,dando tensão no cabo aos poucos,até entrar....Se entrar o prato grande na teoria tb tem de entrar, e está feito....
 
#6
Boas, pessoal. Obrigado pelas respostas e desculpem se fui confuso, mas é mesmo porque isto ainda é mto confuso para mim. Os H e L ficaram bem afinados uma vez que os 3 pratos passaram a entrar sem problema. Eu, não sabendo que os ajustes eram feitos em Cliks, rodei o afinador de tensão demasiado e a coisa descambou. Fiquei sem saber por onde começar a afinação de tensão. Neste momento está sem tensão alguma. Vou tentar seguir a indicação do Klaser e começar no prato pequeno. Se bem percebi no que tenho lido e visto, o cabo está com a menor tensão quando estamos no prato pequeno... mais uma vez obrigado e desculpem a impaciência.
 
#7
Se calhar foi porque foste um pouco confuso.

Os parafusos H e L são só para limitar o limite máximo e mínimo que a corrente pode ir sem roçar no desviador. Apenas necessitam de ser mexidos uma vez. De resto as afinações devem ser feitas com o regulador de tensão.

Qual é o comportamento que está a ter mais concretamente?
Boas. Neste momento, o cabo está sem tensão alguma e a corrente está no prato do meio.
 

Joseelias

Well-Known Member
#9
Boas. Neste momento, o cabo está sem tensão alguma e a corrente está no prato do meio.
Isso é porque apertaste demais o parafuso marcado com a letra "L". Eventualmente tem escrito "Low". Esse parafuso existe para que o desviador não se aproxime demasiado do quadro fazendo a corrente cair para fora da pedaleira. Tal como o "H" ou "High" para que a corrente não caia para o lado de fora da pedaleira.

Desaperta esse parafuso quase completamente e deixa a corrente passar para o prato pequeno e atrás mete no carreto maior. Depois aperta o parafuso L ou Low até o desviador se aproximar da corrente, mas sem tocar para que a corrente não fique a roçar nele quando usares as mudanças mais leves de todas.

De resto parece-me que os vídeos mostrados acima explicarão bem o processo total apesar de ter visto apenas pedaços.
 
Last edited:

Joseelias

Well-Known Member
#11
De notar que é normal alguma fricção nas velocidades cruzadas (nem é aconselhável usá-las) mesmo quando os limites estão 100% afinados. Prato maior à frente e atrás ou prato menor à frente e atrás.
Cumprimentos
Numa pedaleira de 3 pratos, o do meio pode usar a cassete toda. O prato 1 da pedaleira (pequeno) só deve de usar os 3 ou 4 pratos maiores da cassete (1 ao 4) e o prato 3 da pedaleira (grande) também só deve de ser usado nos 3 ou 4 andamentos mais pesados da cassete.

Claro que no prato do meio da pedaleira vai sempre haver algum cruzamento se se usar toda a cassete, e isso pode ser evitado ao não usar algumas das velocidades nos extremos da cassete. Mas isso implica usar com muita frequência o desviador dianteiro, que é uma seca de fazer.
 
#12
Exatamente. Eu mencionei a situação porque no início, quando não tinha experiência ao afinar, achava que algo não estava bem. As velocidades entravam todas como um relógio mas nos dois cruzamentos, friccionavam o desviador. Por fim lá percebi de que era normal esta situação. No entanto, de vez em quando e no desespero de não perder rendimento ou para conseguir fazer a subida, lá vai um ou dois cruzamentos :)
 

Joseelias

Well-Known Member
#13
No caso do prato 1 da pedaleira, ou seja o mais pequeno e usando o prato da cassete maior, para evitar o roçar até desrespeitei ligeiramente as instruções de montagem montando-o uns milímetros mais acima que o recomendado. Como me certifiquei que à frente continuava tudo a funcionar bem, ficou assim.

Um detalhe importante na afinação na relação mais leve de todas (1*1) é que a corrente em tensão fica mais próxima do desviador que quando está folgada. Quando afinamos o desviador a corrente não está em tensão, pelo que muitas vezes parece estar tudo ok e depois a andar lá se ouve aquele irritante roçar.

Eu não gosto nada da ideia de incluir electrónica no funcionamento das bicicletas, mas o facto do desviador dianteiro Di2 compensar automaticamente para não haver roçamentos da corrente no desviador abala um pouco as minhas convicções. Não gosto nada de gostar dessa função... :D
 
Last edited:
#15
Boas, pessoal. Consegui pôr a coisa mais ou menos com as vossas dicas mas não estava perfeito e eu tinha a impressão de que a coisa já não vinha bem de origem. Quando a bicla saíu da loja de Sintra vinha cruzada (corrente) e com o parafuso H todo enroscado, coisas que na altura para mim eram desconhecidas (Ainda andei assim 15 dias!!!). Levei-a hoje à Decathlon de Alfragide e o mecânico, desta vez muito prestável me perguntou logo porque é que o H estava assim... Resultado, desviador novo, desta vez um Shimano Altus ( O original era um MS 22) e cabo novo porque estava tudo a roçar, etc. Deu-me umas boas dicas de futuras pequenas afinações no cabo e a coisa está a funcionar lindamente como devia ter estado logo no início. Desde já o meu obrigado a todos pela ajuda.
 
#16
Isso é porque apertaste demais o parafuso marcado com a letra "L". Eventualmente tem escrito "Low". Esse parafuso existe para que o desviador não se aproxime demasiado do quadro fazendo a corrente cair para fora da pedaleira. Tal como o "H" ou "High" para que a corrente não caia para o lado de fora da pedaleira.

Desaperta esse parafuso quase completamente e deixa a corrente passar para o prato pequeno e atrás mete no carreto maior. Depois aperta o parafuso L ou Low até o desviador se aproximar da corrente, mas sem tocar para que a corrente não fique a roçar nele quando usares as mudanças mais leves de todas.

De resto parece-me que os vídeos mostrados acima explicarão bem o processo total apesar de ter visto apenas pedaços.
Descobri os vídeos da Park Tool, estão bestiais, porque além de mostrarem as acções propriamente ditas, explicam os conceitos, que para mim são fundamentais. Obrigado.