Qüer CXR 4 - Lucard

Pessoal, quanto às imagens. Fixed... era mania da Google...

Quanto aos grips, ainda não tive tempo. Eu costumo por os punhos (principalmente os de origem). Com zip ties. Mas se dizem que com álcool é piece of cake, nem me vou chatear muito. Álcool resolve tudo :fpalm:
 
Pessoal, quanto às imagens. Fixed... era mania da Google...

Quanto aos grips, ainda não tive tempo. Eu costumo por os punhos (principalmente os de origem). Com zip ties. Mas se dizem que com álcool é piece of cake, nem me vou chatear muito. Álcool resolve tudo :fpalm:

vai por eles e por mim, alcool depois de evaporar eles ficam bem.

agora que vi as fotos, cool, mas com as costas assim nunca deves correr, alias, eu que tambem sofro da coluna correr nem pensar pois o impacto piora a condicao.

portanto faco muita caminhada e bike, (e devia fazer natacao, mas...devo ser como os gatos)
 
Pois devia ficar quieto, segundo a primeira osteopata (ainda não tive tempo de pedir uma segunda opinião) é ficar quieto pelo menos mais 4 meses... ora vejamos, estou no "estaleiro" desde Agosto se não me falha a memória. Está na minha altura favorita para fazer exercício, pré primavera (malditos polens) e está frio (oxigénio mais concentrado) e mais moderadamente húmido (ajuda aos meus pulmões não ficarem demasiado secos e ter de andar com a bomba às costas). Logo é difícil para mim ficar quieto muito mais tempo. Posso mesmo dizer que estou com a vontade toda de ir partir o esqueleto todo no mato...

Quanto à corrida, pois eu sei que faz uma pancada nas costas, mas, como a correr tem-se uma posição mais reta (sem curvar) pensei que não fosse ter tanto impacto, na minha opinião faria sentido. Como o meu pai (com quase 60 anos) faz todas as semanas 2 a 3 vezes umas valentes corridas estava a pensar acompanhar, enquanto não estava 100% para o mtb... Já vi que não dá...

Quanto às caminhadas, epa, eu para caminhar sozinho, fico à seca, para alguém caminhar comigo, a Minha Maria por exemplo, tem quase ir a correr para me acompanhar, ou então ando devagarinho... Que é quase impossível :fpalm:tenho bixo carpinteiro!

A natação, foi-me aconselhado pelo ortopedista e proibido pela Pneumologista :fpalm:(eu vivo no inferno)... Faz bem ao costêdo e outras partes... E também em certa forma à asma, mas o drawback, não compensa. O Cloro afeta-me IMENSO, e a demasiada húmidade das piscinas cobertas faz com que eu fique cheio de porcaria nos pulmões... A solução que arranjei durante alguns anos (quanto fiz 15/16 anos) foi fazer ginásio. Com exercícios mais focados para as costas/abdominal, para fortalecer os músculos e assim ajudar no suporte... Mas depois comecei a não ter tempo para os horários e já só la ia quase meia hora por semana, não valia a p€na.
 
sofremos do mesmo mal lol, natacao nao e comigo mesmo, se for ja devo ir quase no desepero, mas a bike tem-me fortalecido os abdominais e ja e uma ajuda pra coluna, agora falta resolver a cervical...
 
O raio da foto já está outra vez indisponível... Vou testar outro site...

Agora, o post a "sério"...

Foi uma volta "apenas" para testar os punhos e supostamente as costas... 6F fui tratar delas (levar uns valentes safanões)... Acabei por testar tudo e mais alguma coisa.. Embora tenha poucas fotos e as que tenho são quase todas do mesmo sítio, foi uma volta longa, para mim... foram 65 klm's (mais coisa menos coisa), a Altimetria não consigo indicar. Segundo o meu GPS só andei 10 metros... Por trilhos e mais trilhos, safanões e mais safanões... Bike às costas... enfim foi pano para 7horas (QUE VERGONHA!), com paragens longas para comer, apreciar o local... etc..

O plano inicial era um pequeno trilho/volta com cerca de 30 klm's mas ao subir, o meu colega disse que não conseguia subir aquilo tudo e desanimou. Eu ao contrário dele, consigo subir mas acaba-se depressa o gás :fpalm: 3/4h na bike é o meu limite, a partir daí é sofrer. Voltámos para trás e fomos à descoberta de uns trilhos, uma limpeza de alguns e num não conseguimos mesmo fazer, faltou o kit de unhas, fizemos umas partes com ela à mão. Sei que é possível fazer completamente, só ainda não tenho kit de unhas e, já ficou combinado numa próxima vez limpar-mos o trilho todo, pois não se vê as pedras/buracos/regos e muitas partes e não queremos morrer.

Ao fim dessa descida, já à descoberta encontrámos uma sinalética qualquer para uns caminhos e fomos atrás.... Ohhh boy se valeu a pena... Encontrámos algo que teria sido em tempos um moinho, agora em ruínas, com umas poldras para atravessar o riacho que ali passa, mas o melhor foi mesmo o silêncio da civilização... Só ouvíamos a água a correr, os pássaros, e o torcer das árvores conforme o vento lhes batia. Foi local de uma pausa longa para comer, beber, descansar e refletir...

Depois disso fomos estrada fora, de papo cheio... e uns 10 metros à frente, tive um incidente, fui confiante demais e paguei por isso. Ficou tudo bem felizmente, menos o muro que foi ao chão e tivemos de o compor, e a bike que ficou riscada. Não tenho fotos do momento porque foi a última coisa que me passou pela cabeça.

Escusado será dizer que, mais tarde ao regressar-mos a perna deu-me chatisses e vim a pé grande parte do tempo (daí ter demorado tanto tempo).

Quanto aos grips, impecáveis, o primeiro custou como caraças a entrar, mesmo com alcool, o segundo entrou que nem uma luva (tapei o buraco e enchi-o de alcool até ao cimo :fpalm:. Deu para testar melhor os calções que comprei na Decat. são muito confortáveis é verdade mas tem 2 problemas. As alças caem sozinhas, e as pernas sobem, enfiando-se (os calções) entre as pernas/virilhas, causando um desconforto chato... não estou habituado a andar apertado nessas zonas :fpalm:.Testei também o novo saco que comprei por 3€ no Outlet do continente. Muito bom, estou a pensar ir lá comprar mais. O "mamilo" dá para txupar bem, não pinga se ficar aberto, mesmo que pingasse dá para abrir e fechar com facilidade.

Seja como for, FOTOS...








E para o fim do massacre...


Foto dos Grips:
 
60km's é sempre uma volta porreira, mas tens de ter em atenção a tua forma física, senão em vez de aproveitares a volta, vais sofrer bastante ;).

Em relação aos calções.. as alças caem? como assim? elas escorregam para os "lados" e ficam a cair dos ombros? Caso seja isso é normal os calções subirem porque muito provavelmente estas a suar uns calções do tamanho acima ;)
 
Epa, foi mea culpa, eu costumo controlar isso com o GPS. Mas o GPS entrou em paranóia.

A alça do lado direito cai para o lado. Quando os comprei e experimentei o M, eram muito pequenos e transparentes. Já o L ficou-me muito bem, e mesmo assim fico meio ensanduichado la dentro. Talvez com uma lavagem eles fiquem melhor.

Esqueci referir, que andei sem luvas, e os grips foram fantásticos, não escorregavam, nem com as mãos todas suadas.
 
apesar do sofrimento que acredito teres tido foi uma excelente distancia, so faltava era a altimetria pra se ter uma melhor ideia.

fiz ontem uns sofriveis 43 km na serra e que alivio foi quando cheguei ao alcatrao xD numa elevacao na casa dos 200 e poucos metros, coitadinhas das pernas...mas fui a tempo de fazer o almoco, uma bela francesinha dupla x)
 
Já passou 3 semanas? pensava que era só 2 semanas... Aliás, sim, foram 2 semanas. Este sábado que passou não fui andar, pois em 2 dias dormi 3 horas no total, aproveitei o sábado para dormir :). Eu só ando aos sábados por falta de tempo... Amanhã vai haver aventura :) vamos ver como corre.
 
Ora pois bem, cá está o resultado do dia de hoje, 20 klm's só. O objetivo era limpar um dos trilhos pois já estava a ficar e ainda está muito fechado... Mas pelos vistos há um outro que temos de limpar (resultado mais a frente).

Ora se bem me lembro disse ao lighstriker para comprar luvas completas, e não das que tem os dedos de fora... Visto que não encontrei as luvas completas, levei as de dedo de fora... E o resultado foi este...



Uma Sra. Silva decidiu agarrar-se ao meu dedo mindinho e eu com o susto larguei a mão esquerda do guiador, por consequência, do travão também... e fui mergulhar pó meio das silvas. Também tenho umas tatuagens destas nas pernas mas deu-me preguiça tirar foto... Levei calças, e mesmo assim foi calça a dentro...

Depois da limpeza do mato, fomos fazer um mini bushcraft...





Depois segunda feira dou Edit ao post para meter as fotos e o resto direitinho
 
se tivesse que agarrar o dedo agarra independentemente de ter o dedo tapado ou nao

o btt e mesmo assim, ha uns meses ate uma fractura da tibia tive e ando aqui a divertir-me na mesma
 
A melhor parte é mesmo o bushcraft... A comida vá... Ahha
Quanto ao agarrar, há uma grande diferença em agarrar o dedo e espetar carne a dentro, como no braço... E agarrar a luva, sem penetrar a pele...
Ninguém morre com arranhões, só achei "engracado" eu avisar o problema destas luvas e logo no dia a seguir sofrer dessa mesma consequência...
Tanto que andei no meio do mato a esgalhar giestas... Fiquei bem pior das alergias... Por exemplo, não dobro o joelho, tenho uma alergia de algum bicharoco na parte de trás e é uma desgraça de comichao...

Mas isto, é mesmo assim... Uma próxima volts já vamos atacar a limpeza naquele trilho... Com febras no fim, obviamente... Devo dizer que a fogueira foi feita sem qualquer fonte de ignição "automatica", foi feito com faca e pedra (faísca) e com ninho de palhuco... Usamos madeira morta e séca.. Numa fogueira controlada, abaixo passa um rio, qualquer problema era só buscar lá a água. Tudo com o máximo cuidado possível para evitar incêndios...