como iniciar a prática de BTT

#1
Boas, sou do Porto, tenho 47 anos e um filho de 14. Ambos gostamos de pedalar e queríamos experimentar fazer uma prova de BTT que fosse acessível (não temos skills de controlo da bike que nos permitam fazer saltos ou descidas técnicas). Pesquisando na net encontro muitos tipos de provas diferentes, CN, XCO, PISTA...etc e fico sem saber. E não encontrei um site a explicar as diferentes modalidades.
Seja como for, o que nos recomendam? Obrigado
 

Joseelias

Well-Known Member
#3
Começar logo com uma prova parece-me má ideia.

Tive amigos, experientes em Btt, que até em locais planos e a circular a baixa velocidade se magoaram a sério. Bem como pessoal com pouca experiência que se limitou a seguir outros mais batidos no Btt e acabaram por se meter em situações para as quais não estavam minimamente preparados e deram quedas feias. É que alguém com experiência faz tudo parecer simples e que basta segui-los e imitá-los, mas a realidade é muito mais complicada.

Entrar numa prova, mesmo numa simples, encontrar-se-ão sempre alguns obstáculos acima da capacidade de quem não tem capacidade técnica. Com a pressão da prova e o ver outros a ultrapassá-los, mas sem saber como fazê-lo, pode ser receita para o desastre.

Metam uns milhares de quilómetros (ou pelo menos uma largas centenas) em cima da bike e vão-se desafiando aos poucos para perceberem os vossos limites e depois pensem em provas. Aconselhava mais a participarem em passeios ou acompanhar grupos da região para vos irem dando dicas.
 

iMiguel

Well-Known Member
#4
Atencao que há provas que têm km's mais reduzidos e sao guiados. Pode participar primeiro nesses e com o tempo aventurar-se nas meias maratonas e por aí fora.

Eu quando comecei, a primeira volta que fiz, nem cheou a 1km e ia morrendo com falta de ar, aos poucos comecei a pedalar mais regular e ao fim de 2 meses fiz a primeira meia maratona (45km). Claro que nem tudo foram rosas, mas com calma e gerindo o esforço tudo se faz.

Se gosta de BTT, de ler e de pedalar, recomendo a leitura do livro "Do ABC da BTT até onde puderes...", escrito por um entendido do mundo do BTT há anos, Mário Alpiarça.
 

Joseelias

Well-Known Member
#5
Atencao que há provas que têm km's mais reduzidos e sao guiados.
São os tais passeios a que me referi. Percursos guiados, em grupo, onde não há pressão competitiva e se pode aprender ao ver outros e a receber conselhos.

De há uns anos para cá dá-me impressão que tudo é classificado de "provas". Talvez para encher o ego de alguns em dizerem que foram a uma "prova" e andarem a exibir os numeros pendurados do guiador nas voltinhas diárias como costumo ver.
 
Last edited:

iMiguel

Well-Known Member
#6
Sim, desde há uns anos pra cá é tudo prova, e há muitos "atletas" e vão para as provas como se não houvesse amanhã! E cada vez me convenço mais que devia haver controlo anti-doping nas chamadas "provas" (aka provas domingueiras).

Eu já fiz competição e não desgostei, no entanto nunca fui competitivo para com os outros, prefiro a competição contra mim próprio para superar os meus limites. Eu desde que comecei a ir as provas, fui sempre com 2 propósitos (vaa 2 e meio) que era, 1º não cair e 2º chegar à meta. O outro objectivo e meio era se conseguisse ficar do meio da tabela pra cima tanto melhor!
 

Joseelias

Well-Known Member
#7
prefiro a competição contra mim próprio
Essa sempre foi a minha postura. Fui atleta de competição federado em canoagem, competi inclusive em campeonatos nacionais e algumas provas com participação internacional e obtive classificações interessantes e o meu objectivo sempre foi dar o meu melhor. Os resultados seriam a compensação do meu esforço.

Quanto às provas domingueiras não vejo problema, desde que o pessoal mantenha a cabeça no sitio. Há uns anos havia quem relatasse neste fórum coisas um bocado preocupantes e nada saudáveis, desde doping a excesso de competitividade. Mas também é verdade que de há uns anos para cá isto se tornou num negócio, e que esse clima interessa às empresas que lucram com os eventos.

Quanto ao pessoal que anda a exibir os dorsais na estrada/trilhos só me dá para rir.
 
#9
Quanto ao pessoal que anda a exibir os dorsais na estrada/trilhos só me dá para rir.
Uau!!!

nunosga...
Tens de começar com passeios domingueiros... com grupos, coisas mais informais, depois logo te metes em eventos. os mais soft são os de XC/ Maratona.
A maior parte das bikes de BTT são vocacionados para este tipo de modalidade.

Dependendo dos Eventos, pode haver o passieo 15 a 20km, a meia maratona, entre os 35 a 45km, e as maratonas apartir dos 60km... Cada um das distancias, também o percurso é mais duro e aumenta a dificuldade/ perigosidade/ técnica necessária.

De qualquer das formas tens sempre pessoal que neste tipo de eventos vai no relax. é colarem-se a eles ;)