carbono

#1

Attachments

m.r.f.

Active Member
#4
Existem vários relatos de pessoal que se deu mal com isso, devido a partir em andamento.
Não existem almoços grátis.
 

Joseelias

Well-Known Member
#5
Houve um caso aqui no fórum há uns anos em que um grande defensor do material da China, mandou vir um quadro 29 supostamente de uma loja das "boas".

O resultado foi que o quadro tinha defeito no apoio do travão traseiro e teve que andar a inventar (limar o quadro, anilhas, etc.) e sei lá mais o quê e parece-me que aquilo nunca ficou bem. A resolução do problema com a loja chinesa também não correu bem e foi muito difícil de comunicar com eles.

O que sei é que deixou de falar do assunto e pouco tempo depois já tinha um quadro novo mas de marca.

As fábricas que vendem esse material até podem ser as mesmas que produzem para grandes marcas, mas ao contrário do que fazem para essas marcas o controlo de qualidade é quase zero nos produtos baratos que vendem online.
 
#6
Houve um caso aqui no fórum há uns anos em que um grande defensor do material da China, mandou vir um quadro 29 supostamente de uma loja das "boas".

O resultado foi que o quadro tinha defeito no apoio do travão traseiro e teve que andar a inventar (limar o quadro, anilhas, etc.) e sei lá mais o quê e parece-me que aquilo nunca ficou bem. A resolução do problema com a loja chinesa também não correu bem e foi muito difícil de comunicar com eles.

O que sei é que deixou de falar do assunto e pouco tempo depois já tinha um quadro novo mas de marca.

As fábricas que vendem esse material até podem ser as mesmas que produzem para grandes marcas, mas ao contrário do que fazem para essas marcas o controlo de qualidade é quase zero nos produtos baratos que vendem online.
Será que muitas vezes os produtos que estão à venda são precisamente os que falharam nos testes de qualidade nessas fábricas ?
 

Joseelias

Well-Known Member
#9
Os que falharam, duvido que estejam à venda, pois se falharam, quebraram ;)
Não necessariamente. Um quadro ou componente pode falhar o controlo de qualidade por razões estéticas o que é fácil de acontecer no carbono por defeitos na colocação da manta nos quadros onde esta se vê. Ou na pintura/gel coat. Pode também haver erros na colocação de partes como o caso referido por mim acima e até defeitos na propria colocação da manta que pode interferir com a resistência.

Nuns casos pode-se disfarçar com pintura e noutros como o apoio dos travões que não é visível a olho nu segue para "bingo".

Mas a maior parte destes componentes não deve de ser o refugo do material produzido para as grandes marcas pois isso incorria no crime de contrafacção e na perda do cliente. Qual a fábrica que arriscaria perder a Specialized como cliente?

O que se passa é que imitam os ângulos e estrutura das bicicletas e componentes, fazem um molde genérico e depois toca a produzir. Só que passa tudo para venda ao público se parecer bem a olho, excepto aquilo que não dá mesmo para vender.

Sabendo que a percentagem de falhas na produção de material de carbono é enorme em que por cada quadro aprovado se deitam para o lixo umas quantas tentativas (daí uma das razões de ser um material tão caro e o mais poluente do ciclismo), imaginem o que vem de fábricas cujos escrupulos são poucos, o lucro é o objectivo máximo e têm impunidade total.
 
#12
Tenho um guiador de carbono vindo da china há mais de 4 anos na bike de btt e nunca me deu problemas, não tem marca nenhuma, não é extralight, pesa 160 gr, já caiu e continua como sempre a percorrer os trilhos "fáceis" aqui de Trás-os-Montes.
Se pode partir?? Claro que pode, esse e qualquer um.

Espigão não tenho, mas passa pelo foromtb espanhol e lá tens vários relatos de pessoas satisfeitas com guiadores e espigões.

Não estou aqui a defender que é igual, melhor ou pior, que os de marcas, é uma opção.
 
#14
Tenho um guiador de carbono vindo da china há mais de 4 anos na bike de btt e nunca me deu problemas, não tem marca nenhuma, não é extralight, pesa 160 gr, já caiu e continua como sempre a percorrer os trilhos "fáceis" aqui de Trás-os-Montes.
Se pode partir?? Claro que pode, esse e qualquer um.

Espigão não tenho, mas passa pelo foromtb espanhol e lá tens vários relatos de pessoas satisfeitas com guiadores e espigões.

Não estou aqui a defender que é igual, melhor ou pior, que os de marcas, é uma opção.
Usas de qual marca?
Parece-me que há marcas e marcas assim como se verifica para o resto dos componentes.
 
#16
Usas de qual marca?
Parece-me que há marcas e marcas assim como se verifica para o resto dos componentes.
Não é de marca nenhuma, na altura vi um vendedor com muitas vendas e com bom feedback e comprei, é todo preto, em carbono.

Quanto ao arriscar... também vi, e não me contaram, eu vi, um superlogic original a partir... e se tivesse dinheiro arriscava já em comprar um...
 
#17
Eu tenho um volante à dois anos e, até agora, não tive problemas. Também uso selins com carris em carbono da marca gub e, nas três bikes juntas, já devem ter mais de 10000 km, com diferentes utilizações (bike de estrada, rígida de btt e bike de allmountain) e, estão top.
Em Portugal não é tão comum mas, basta dar uma vista de olhos no forum espanhol e, por lá há muita gente a usar.
 
#19
Eu também, tenho um volante mas é no carro.:D
No carro até tens dois. Quanto ao material do chinês pelo que tenho visto as marcas (por exemplo BXT, EC90) têm várias gamas, por exemplo a EC90 tem espigões de 15 e de 30 e vendo as avaliações dos compradores percebe-se que os mais caros são mais bem feito, com controlo maior na produção.