Bicicleta Iniciante

#1
Boas pessoal , sou novo aqui no fórum e gostaria de pedir uma ajuda.
Após ler inúmeros posts sobre bicicletas de iniciação de BTT/XC, gostaria de pedir mais uma ajuda neste sentido : Tenho um orçamento que não deverá superar os 1100/1200€ máximos dos máximos, sendo que o ideal seria bem abaixo desse valor :D
Tenho visto alguns modelos de bikes mas pelo que tenho percebido o facto da bicicleta ter quadro preparado e com eixos passantes é também uma mais valia certo? Gostava de saber até que ponto vale mais o equipamento/preço de uma XC50 rockrider por exemplo em detrimento de uma bicicleta de marcas mais conceituadas do género da TREK (neste caso estava a ver a X caliber 8) , Scott etc etc (aceito qualquer outra sugestão de marca e modelo :) )
Estou muito confuso, pois vejo um preço tão bom no mesmo nível de equipamento na XC50 , só que o raio da bicicleta não é lá muito bonita xD ,não tem cablagem por dentro do quadro e pronto , é uma rockrider (não tem nada de mal , mas há sempre aquele estigma da marca da decathlon).

Agradeço qualquer tipo de ajuda :D
 

smcarvalho

Active Member
#2
Viste a XC50 ao vivo? Tens a XC100 que podes considerar mais bonita... É muito importante para ti ter os cabos por dentro do quadro? A minha recomendação passaria sempre pelas Rockrider pois acho as bicicletas deles produtos bem pensados.

Explora a marca Eleven, são montadas em Portugal. Tens também esta marca http://motex.pt/lojabikes/roda-275/1555-vector-294.html?search_query=vector&results=9

Podes também ver a BH 4.5 que também foi referida recentemente pelo Pedro.

Se a que gostas mesmo é a Trek tenta negociar o valor com um vendedor da marca. O quadro não tem os eixos passantes que tu falas mas é tem a tecnologia BOOST.

Em comparação entre as duas RR XC50 e a Trek X Caliber 8. A Trek oferece uma quadro 141mm ao invés da XC50 com quadro de 148mm na traseira. A americana oferece umas rodas de gama inferior porém uns travões Shimano de entrada enquanto que a RR oferece os Tektro. Apesar de oferecerem ambas como suspensão a RS Judy Solo Air, a RR tem bloqueio remoto (embora este possa não ser agradar a muita gente é uma mais valia).

@FlokiTheWarrior
 
Last edited:
#3
Viste a XC50 ao vivo? Tens a XC100 que podes considerar mais bonita... É muito importante para ti ter os cabos por dentro do quadro? A minha recomendação passaria sempre pelas Rockrider pois acho as bicicletas deles produtos bem pensados.

Explora a marca Eleven, são montadas em Portugal. Tens também esta marca http://motex.pt/lojabikes/roda-275/1555-vector-294.html?search_query=vector&results=9

Podes também ver a BH 4.5 que também foi referida recentemente pelo Pedro.

Se a que gostas mesmo é a Trek tenta negociar o valor com um vendedor da marca. O quadro não tem os eixos passantes que tu falas mas é tem a tecnologia BOOST.

Em comparação entre as duas RR XC50 e a Trek X Caliber 8. A Trek oferece uma quadro 141mm ao invés da XC50 com quadro de 148mm na traseira. A americana oferece umas rodas de gama inferior porém uns travões Shimano de entrada enquanto que a RR oferece os Tektro. Apesar de oferecerem ambas como suspensão a RS Judy Solo Air, a RR tem bloqueio remoto (embora este possa não ser agradar a muita gente é uma mais valia).

@FlokiTheWarrior
Pois realmente a RR é uma bicicleta com um excelente equipamento pelo preço, para mim o importante era ter uma bicicleta que fosse já bem porreira para começar , o que me "dói na alma" é ver bicicletas com a mesma suspensão, transmissão , sem remote lock da susp, sem eixos passantes e com rodas inferiores por mais 300 ou 400€ que a RR. No entanto algumas pessoas começam a dizer que se quiser fazer alguns upgrades na bike, nas RR não justifica tanto, fico um bocado confuso desta forma...
O pormenor dos cabos por dentro do quadro é mesmo estético , acho que fica lindíssimo , penso que técnicamente não seja relevante mas isso espero pelo vosso feedback :)
 

smcarvalho

Active Member
#4
Podes pensar assim, se a RR é à partida a que tem o quadro mais recente e o preço mais "jeitoso" (assumindo que é mas podem haver outras opções que não conheço) será também uma opção muito boa para upgrade. Não me parece que esse argumento seja muito lógico dado que tens um quadro (ou seja a base da tua montagem) que obdece a alguns dos mais recentes parâmetros de montagem. Assim de repente, fica a faltar um espigão de 27mm e ,para os mais minimalistas, a integração dos cabos no interior do quadro.

É engraçado que os quadro da gama ST trazem espigão de 27.2mm enquanto que a gama de XC alumínio todas equipam com 31.6mm.
 

DriveMe

Active Member
#5
Compres o que comprares, bicicleta, carro, telemóvel... não podes ficar desagradado com o que vês. É importante. A menos que seja temporário.

A questão de "mais equipamento e menos quadro" penso que tem também a ver com a disponibilidade a curto prazo para upgrades.
Vou ser sincero: preferia comprar uma Cannondale (ou outra marca qualquer do meu interesse) pelo mesmo preço, abdicar de uma suspensão e/ou transmissão melhor, SE soubesse que daqui a um curto espaço de tempo estaria em condições de fazer o upgrade (e o mesmo o justificasse).
 
#6
Obrigado pela ajuda :) só mais uma coisa,
essa vector que enviaste aí parece muito interessante mas tem eixos passantes? Não me pareceu mencionar isso :/
Ainda em relação às RR, consegues explicar-me o pk de um espigão de 27.2 ser melhor que 31.6? Pensei que 31.6 fosse mais moderno xD , mas no geral qual a diferença?
 

smcarvalho

Active Member
#7
Sobre a DEED não sei se tem thru-axle mas o quadro é BOOST.

Teoricamente espigões mais finos proporcionam maior conforto porque têm maior flexibilidade. É como comparar um ramo grosso a um mais fino.
 
#8
Não devo acrescentar nada de relevante ao tópico, mas a XC50 ao vivo até é bem bonita, mas lá está são gostos.
Tenho uma bicicleta com esse "Boost" de 5x141mm e até agora não me posso queixar, mas pelo que vejo para se arranjar cubos para esse padrão não é lá muito fácil. Pelo menos há umas semanas andei a procurar e praticamente não vi nada. Não sei se pode ser algo relevante para ti ou se calhar sou eu que sou um nabo a pesquisar.
 
#9
Sobre a DEED não sei se tem thru-axle mas o quadro é BOOST.

Teoricamente espigões mais finos proporcionam maior conforto porque têm maior flexibilidade. É como comparar um ramo grosso a um mais fino.
Ainda sobre a DEED , entre a RockShox Recon RL e a Judy Silver, ambas com 100mm de curso, existe diferenças significativas?
 

DriveMe

Active Member
#10
O ideal é teres o feedback de quem tenha experimentado ambas.
Tipo isto:
https://www.worldwidecyclery.com/blogs/worldwide-cyclery-blog/rockshox-judy-silver-tk-suspension-fork-rider-review
https://www.worldwidecyclery.com/blogs/worldwide-cyclery-blog/rockshox-recon-rl-fork-rider-review


Tenho a ideia que a Judy está numa gama superior que a Recon.
No entanto, as versões TK são as mais básicas dentro da gama.
Essa Recon tem, pelo menos, a tecnologia Motion Control (que vale o que vale).

Se vires os links que deixei, vais ver que o PVP de uma e de outra não andam muito longe.
Os pesos são semelhantes, a diferença maior que vejo é o diametro da baínhas da Recon RL ser 32 vs 30 da Judy Silver TK (não quer dizer que seja mais robusta).
 

edununo

Well-Known Member
#11
Há uns anos atrás, a Recon dentro da Rockshox, era o modelo abaixo da Reba. Actualmente não sei.
Já tive uma Recon com motion control e, tirando o peso, era muito semelhante à Reba.
 

DriveMe

Active Member
#13
Viva o marketing.

A Judy DH era o sonho mais húmido que um MTBiker podia ter, e hoje está ao nível de uma.. Tora?

RS.jpg

Judy DH – 1996
7 years after entering the world of MTB suspension with the RS-1, in 1995 RockShox presented the Judy model with elastomer springs and larger 28mm stanchions, instead of the previous 1 inch size. The Judy of 1996 was offered in 4 different versions: the XC (50mm of travel), the SL (60mm of travel), the FSX (75mm) and a version with 80mm of travel, equipped with a specific rebound knob, that has marked the beginning of a production of specific series downhill fork: The Judy DH.

in MTB-MAG.




Desculpem o off-topic, é mais forte do que eu. :)