Bicicleta Gravel (?)

#1
Bom dia a todos.

O meu registo e tópico surgem porque acho que finalmente decidi 'dar o salto' e colocar mais uns € neste hobby....

Desde 2016 as bicicletas foram uma Btwin:
ladies-bike-btwin-5-aluminium-decathlon-hybrid-town.jpg

E agora mais recente uma Kross:
kross 4.0.JPG
A utilização é de ciclovias (Lisboa) + Monsanto (estradões + trilhos 'fáceis'). A utilização mais regular será 3x semana cerca de 20km cada saída.

Decidi alargar o budget e estou a pensar investir € 1000 (+/-).
Do que já pesquisei considero que uma bicicleta gravel se adequa às minha utilizações, mas agradecia mais opiniões.

Será adequado começar pela gravel da Decathlon Triban RC520 ? Ou fará sentido uma Cannondale Topstone Sora (?) ?

Tenho 1,90m.

Não domino muito as especificações dos componentes pelo que as minhas comparações pecam por isso.

Obrigado desde já pela ajuda que possam dar e boas voltas...
 

edununo

Well-Known Member
#2
Apesar da RC520 ter melhor relação preco/equipamento, com transmissão de 11v, travoes hidráulicos etc, a Cannondale, apesar de ser de 9v até tem uma relação de transmissão mais apropriada para gravel, com pedaleira 46-30 e cassete 11-34. O facto de ter eixos passantes é outra mais valia.

Se calhar optaria pela Cannondale.
 
Last edited:
#3
Muito obrigado @edununo pela resposta.

Julgava a RC520 com travões de disco mas mecânicos. Foi o que concluí das especificações no site da Decathlon.

Quando referes transmissão mais adequada para gravel, significa, menos exigente na 'força para o pedal' ?
 

edununo

Well-Known Member
#4
Os embolos sao hidráulicos mas sao controlados por cabo. Isto é, da manete até à maxila vai um cabo. A partir daí é hidráulico.

No site da Decathlonb
Travões de disco TRP HY/RD.
Acionamento mecânico e êmbolos hidráulicos, para maior fiabilidade e eficácia.

Sao estes:

https://www.bike24.com/p2225097.html

Relativamente à transmissão é no sentido de ter relações mais leves para subir.

Os 50-34 com cassete 11-32 sao excelentes para usar em estrada com uma boa amplitude para rolar e subir.
Para offroad a transmissão 46-30 e cassete 11-34 permite fazer as subidas ingremes com outra facilidade.

Tudo depende por onde vais andar.

De um modo simplista:

RC520 pelo preço e pela relação preço / equipamento. A transmissão é de gama superior.

A Cannondale pelo quadro, com eixos passantes e por uma transmissão (ainda que de gama inferior) com melhores relações para offroad.
 
#5
Obrigado uma vez mais.

E o tema dos eixos é relevante porque quando transporto a bicicleta no carro, tenho que retirar a roda da frente.

Mas de facto a Cannondale, para um equipamento um pouco melhor, já vai para > 2000€.

Entre a RC120 e a RC520, valem os €300 a mais ? Ou compensaria comprar a RC120 e fazer upgrades ?
Podes ajudar qual a justificação técnica para a diferença de preço ?
 
#6
A RC520 tem um quadro 150g mais leve, no tamanho M, melhores travões, muito melhor transmissão...
Não compensa comprar a RC120 e fazer upgrades.
Não percebi esta parte:
E o tema dos eixos é relevante porque quando transporto a bicicleta no carro, tenho que retirar a roda da frente.
Ter eixos passantes ou QR é a mesma coisa a nível da facilidade de transporte. Em questão de andamento os eixos dão mais rigidez à bicicleta.
 

edununo

Well-Known Member
#7
Obrigado uma vez mais.

E o tema dos eixos é relevante porque quando transporto a bicicleta no carro, tenho que retirar a roda da frente.

Mas de facto a Cannondale, para um equipamento um pouco melhor, já vai para > 2000€.

Entre a RC120 e a RC520, valem os €300 a mais ? Ou compensaria comprar a RC120 e fazer upgrades ?
Podes ajudar qual a justificação técnica para a diferença de preço ?
O Cou7inho já disse tudo.
 
#15
acho que já estás a misturar muita coisa.
Começaste por falar numa gravel, mas depois sugeres uma de estrada e uma de btt. São coisas completamente diferentes.
Tens de perceber aquilo que realmente queres para evitar arrependimentos futuros.
Se queres andar em estrada apenas compra uma de estrada.
Se pretendes andar essencialmente em caminhos de terra e fazer alguns trilhos mais divertidos compra a de btt. Com a de btt tb podes fazer uns passeios na ciclovia ainda que em estrada não tão eficiente.
Uma gravel não é carne nem é peixe. Vai ter permitir ter uns andamentos em estrada mais ou menos bons porque a relação e os pneus assim o permite. Também te vai permitir fazer aquelas estradas em terra batida normais. Agora se quiseres ir fazer uns trilhos mais engraçados com raizes, dores, uns saltinhos aí a gravel já não serve lá muito bem.
A utilização é de ciclovias (Lisboa) + Monsanto (estradões + trilhos 'fáceis').
Isto foi o que referiste no primeiro post. Se esses trilhos fáceis forem realmente fáceis então uma gravel pode ser uma boa opção pq tb te vai permitir ter mais andamento em plano.
 
#17
Desconsiderem a de estrada. Assumi que era gravel pois estava junto das X strada da ktm.

A utilização que quero dar é mesmo a que disse: ciclovia é alguns estradoes. O objectivo é conseguir rolar um pouco mais (com prejuízo da 'diversão em trilhos').

Partilhei a ktm de BTT pois passei por ela e sendo de valor semelhante à Rc520 Gravel, resolvi recolher a vossa opinião sobre a comparação entre componentes de uma e outra (sabendo que são tipos diferentes de bikes).

Obrigado!
 
#18
Desconsiderem a de estrada. Assumi que era gravel pois estava junto das X strada da ktm.

A utilização que quero dar é mesmo a que disse: ciclovia é alguns estradoes. O objectivo é conseguir rolar um pouco mais (com prejuízo da 'diversão em trilhos').

Partilhei a ktm de BTT pois passei por ela e sendo de valor semelhante à Rc520 Gravel, resolvi recolher a vossa opinião sobre a comparação entre componentes de uma e outra (sabendo que são tipos diferentes de bikes).

Obrigado!
A de BTT com 1x12 v vai ser muito limitada em plano. O sistema 1x12 é ótimo, mas para se andar maioritariamente em estradões plano não acho la muito eficaz.
Se tu próprio dizes que o objetivo é rolar mais em detrimento da diversão em trilhos mais técnicos acho que a melhor opção é uma de gravel.
Compra a RC520 normal, em vez da versão gravel. Pelo que vejo a diferença é o guiador e os pneus. Com os 150€ de diferença compras uns bons pneus 36mm e está feito. Depois se sentires que precisas de um guiador mais ao estilo gravel também o compras e ainda assim não gastas os 150€ de diferença entre os dois modelos.
É só uma opinião ;):)