Berg Trailrock 1.0

#21
Ora bem, o desviador desde que foi montado, conta com cerca de 150 km´s de estrada uns 100 km´s de Btt, incluindo 2 provas da taça de XCO de São Miguel.

Quer em estrada ou nas 2 provas realizadas, a transmissão tem se portado muito bem, rápida e precisa e sem comprometer. Estou bastante satisfeito!!!!

Ontem, devido à imensa lama existente no circuito da prova de XCO, da Batalha, alguma lama e ervas "enfiaram-se" na secção inferior da cassete (últimos 4 carretos) e ao tentar passar de mudanças a corrente saltava. Tive de jogar com os pratos da frente!!!

Deixo-vos um registo da minha prestação:

http://s27.postimg.org/gxp6v01qr/546.jpg

Do estado da máquina, no final da prova(desculpem a qualidade mas foi com o tlm):

http://s21.postimg.org/87c64tr93/Foto0997.jpg

http://s23.postimg.org/4x3ffgqwb/Foto0998.jpg

http://s11.postimg.org/jfto15lpv/Foto0999.jpg

E a mais recente aquisição:

http://s2.postimg.org/gg2i25kpl/20140324_175429.jpg

Cumprimentos
 

fabio viana

Well-Known Member
#22
Essa estradista é linda :D

Realmente a lama não da hipoteses as bikes, a semana passada tambem tive uns problemas por causa da lama e sei bem o que isso é

Continua o bom trabalho que tens feito até agora ;)
 
#24
Este topic tem andado muito parado, está mesmo de acordo com o andamento da bicicleta :D!!!

Nestes últimos meses, tem andado muito pouco!!! Pois as saídas têm sido quase todas na fininha.

Quanto ao comportamento da Berg e o seu material, continuam a portar-se lindamente. No final dos treinos/voltas é limpar e lubrificar e está pronto para outra.

A meados do mês passado tivemos cá em São Miguel o Campeonato Regional de XCO. Foram apurados os campeões regionais, que por sua vez foram ao Campeonato Nacional, realizado à duas semanas atrás na Póvoa de Lanhoso.

Quanto à minha prestação no Regional correu bem, apenas acusei algum cansaço nas últimas 2 voltas. Este cansaço penso estar relacionado com a falta do nível competitivo. Desde o início de abril que praticamente não entro em provas.

Fica então um registo:



Entretanto no final do mês de abril tive a oportunidade de testar uma Merida BigNine 29er cedida por um amigo.



Este fim de semana que passou, tive a oportunidade de testar esta bela máquina!!!! (Mondraker PodiumPro SL 29er)
Fazendo um review muito rápido, dos cerca de 75km´s efetuados, a dita não se negou a nada..... tem uma condução rápida, segura e muito precisa, ultrapassa todo e qualquer obstáculo com imensa facilidade!!! Aproveitei para a testar no famoso circuito da Batalha (ilha de São Miguel), conhecido pelo grau de dificuldade acrescido e também na zona da mata e não senti qualquer dificuldade em ultrapassar os obstáculos que surgiam.
Quanto à transmissão (1X11) acho-a muito simples e eficaz, facilita imenso a escolha da mudança ao terreno posso dizer que ultrapassa-se bem qualquer parede facilmente
Resumindo e concluindo é uma bike fantástica.



Cumprimentos
 
Last edited:
#27
É a ti e a mim Miguel79, eu já gostava do modelo pois tenho um amigo que tem esse quadro roda 26 convertida a 27,5. Mas agora depois de a ter testado este fim de semana, ainda fiquei a gostar mais do raio da dita :) Talvez para o final do ano, com sorte ela venha parar cá a casa!!! A ver vamos....
 
#28
Essa mondraker é mesmo brutal, o sonho de qualquer um, mas a de 2015, com menos 120gr no quadro, avanço invertido com menos 60gr, RS-1, rodas em carbono Onoff, e um preço de 5899€...
 
#29
A velhinha Berg foi "encostada às boxes". Encontra-se para venda.

A partir do dia de ontem, a nova montada é:

Mondraker Podium Pro SL 29er






Hoje por motivos profissionais não tive oportunidade de dar uma voltinha, mas amanhã só não o faço se chover picaretas :)

Se possível, agradecia aos moderadores só poderão mudar o título desta página para: Berg TrailRock 1.0 >>> Mondraker Podium Pro SL 29er

Cumprimentos
 
#33
Boas André, antes demais parabéns pela tua nova montada! ainda não a vi, mas já ouvi dizer :)

Quanto à relação 1X11 só posso dizer maravilhas, pelo menos por enquanto!!! Assim que tiver de substituir algum componente, aí é que vão ser €las.... :fpalm:

Dos cerca de aproximadamente 400km´s que já fiz com a Podium, acho esta relação muito simples. Simplifica imenso a escolha do andamento.
Em subidas íngremes o prato32 é suficiente qb. Inicialmente pensei que não teria pernas, mas aos poucos vou me apercebendo do contrário. Na 26 mtas vezes, nas "paredes" entrava a avozinha e por vezes pedalava mais em cadência. Com esta relação, a meu ver nessas paredes pedalo mais em força.
Ainda este domingo passado, subi os 3km´s das Sete Cidades. Com alguma dificuldade, pois conheces perfeitamente, mas sempre deu para chegar cá cima. Desmontei uma vez, mais ou menos a meio, pois tinha uns jipes parados e então por precaução achei melhor fazê-lo.

Quanto ao andamento em velocidade, consigo pedalar a uma velocidade de 45/50km´s e com uma cadência aceitável. Penso que para as maratonas também serve perfeitamente, pelo menos serviu na única que fiz desde que tenho a Podium, a de São Roque agora em novembro passado!!!
 
#34
Obrigado :)
Este domingo já as vamos por a prova as duas lol
Eu também estava para mudar para essa transmissão, mas não tinha testado e preferi manter a que tinha na 26. Mas mais tarde quem sabe...
Para já estou a adorar as sensações da 29 se bem que não esta ainda no ponto em termos de afinações.
 
#35
Passaram 2 anos desde a última atualizaçao, mas a Podium não parou. Já teve algumas alterações ao longo desse tempo.
Levou o avanço do modelo 2015 (ficou mais racing o que me agradou na posição de condução). Levou também um guiador prototype, o anterior tinha um raise mto elevado, o que não me agradava muito além de não ser confortável para mim.
No início deste ano, levou um pedaleiro xx1 de 175mm, em substituição do x1 de 170mm já com prato directmount.
Finalmente no passado mês de julho levou umas rodas novas asseguradas pela garantia (as anteriores, easton xc70 tiveram uma anomalia no cubo traseiro e uma vez que a marca foi adquirida pela Raceface recebi umas novas, de gama equiparada).
 
Last edited: